Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1179
Tipo do documento: Dissertação
Título: Atividade enzimática, população e análise de dna da biodiversidade microbiana do solo em agroecossistemas do semi-árido
Autor: Oliveira, Virgínia Carla de 
Primeiro orientador: Trindade, Rita de Cássia
Resumo: A sociedade contemporânea preocupa-se, cada vez mais, com a qualidade de vida, retratada, principalmente, em termos de ambiente e saúde. A emergência da questão do ambiente na agenda social é, em grande parte, conseqüência da extensão em que a humanidade hoje se apropria dos recursos naturais, às vezes muito além da capacidade regenerativa da natureza. Dentro deste contexto, a biodiversidade presente nos solos constitue um excelente mediador das condições biológicas do meio ambiente. Nos ecossistemas do bioma Caatinga, o principal ecossistema existente na região do Semi-árido, o desmatamento e as queimadas são ainda práticas comuns no preparo da terra para a agropecuária. Com o presente trabalho objetivou-se conhecer o efeito de práticas agrícolas sobre a comunidade microbiana, em diferentes sistemas agroecológicos de produção de leite para propriedades de base familiar, e em solos do ecossistema original (Caatinga) (testemunha), no município de N. Sr.ª da Glória-SE. Utilizaram-se como parâmetros a atividade microbiológica, a população microbiana total e a análise de DNA da comunidade microbiana do solo. Estes bioindicadores microbiólogicos foram aplicados à quatro tipos de estruturas agrossilvipastoris: áreas reflorestadas com leguminosas arbóreas - sabiá (Mimosa caesalpiniaefolia ); pastagens cultivadas com capim Urocloa mosambicensis; palma forrageira (Opuntia ficus-indica), cultivada em fileiras adensadas; cercas vivas forrageiras de Gliricidia sepium. Para a determinação da atividade microbiológica total foi utilizado o método de hidrólise de diacetato de fluoresceína (FDA). Para a determinação da população total foi utilizado o método de diluição de solo em meios seletivos para fungos, bactérias e actinomicetos. O perfil molecular da comunidade microbiana foi determinado por ARDRA (Amplified Ribossomal DNA Restriction Analysis), extraindo-se o DNA diretamente do solo e submetendo-o à reação de polimearase em cadeia (PCR) com os primers da região conservada do DNA ribossomal para fungos e bactérias. A hidrólise de diacetato de fluoresceína indicou atividade biológica em todos os agroecossistemas, sendo que esta foi superior em solos sob cultivo de Gliricidia sepium, que apresentou 0,605 g FDA hidrolisada min-1 g-1 de solo. Os resultados da população microbiana, indicaram que o solo sob a palma foi o que mais favoreceu a densidade populacional de fungos e actinomicetos: 21 e 127 ufc x 10g/solo, respectivamente. Quanto à população de bactérias, o solo sob a Caatinga e Gliricidia sepium se destacaram apresentando 32 e 28 ufc x 10g/solo, respectivamente. ARDRA se revelou também um marcador promissor para comparar a comunidade microbiana presente nestes solos. Os produtos amplificados, digeridos pela enzima Hinf I, revelaram que a região 18 S diferenciou a estrutura genética da comunidade fúngica no solo sob a caatinga em relação a todos demais tratamentos. Já a região 16 S digerida pela enzima Hae III, discriminou dois grupos distintos: um grupo com 100% de similaridade na estrutura genética bacteriana incluindo o solo sob áreas reflorestadas e o solo sob a caatinga; e outro grupo, com 100 % de similaridade genética incluindo solo sob a palma, o solo sob pastagens e o solo sob Gliricidia sepium. Portanto, os três parâmetros utilizados neste trabalho: atividade microbiológica, população microbiana total e o perfil molecular determinado por ARDRA constituíram-se bons bioindicadores, pois estes detectaram alterações provocadas por diferentes manejos do solo, permitindo avaliar a eficiência da estrutura agrossilvipastoril para a preservação e recomposição do solo no Semi-Árido.
Abstract: the society is highly concerned on life quality, mostly in terms of environment and health. The environmental issues are emergencial in the social agenda to the extent that the human being exploitis the natural resources beyond its regenerative capacity. In this context, the soil biodiversity may constitute an excellent indicator to monitor environmental shifts. In ecosystems such as the Caatinga biome, the major one in the Brazilian Semi-arid Region, the deforestation and the forest fires are still common practices for land farming preparation. This current research investigated the effect of agricultural practices on the soil microbial community, in an agro-ecological dairy system developed for small stockholder farms within the Caatinga biome of N. Sr.ª da Glória-SE. For this purpose, some parameters were used such as enzymatic activity, total microbial population and the DNA analysis of the soil microbial community. These microbial bioindicators were applied to four agro-forestry-pasture systems: reforested areas with the tree legume sabiá (Mimosa caesalpiniaefolia ); pastures of grass (Urocloa moçambisensis); pastures of Gliricidia sepium; palm crop (Opuntia ficus indica), cultivated in adensed rows; and undisturbed native Caatinga grassland, used as control. For the determination of the total soil microbial activity, the hydrolysis of fluorescein diacetate (FDA) method was used. For the determination of the total microbial population it was used the soil dilution technique in to plates containing selective culture media for fungi, bacteria and actinomycetes. The molecular microbial profile was determined by the Amplified Ribosomal DNA Restriction Analysis (ARDRA), extracting the DNA directly from soil and amplifing ribosomal DNA from fungi and bacteria in a polimerase reaction (PCR). The hydrolysis of FDA indicates microbial activity in all agro-forestry-pasture systems. The highest microbiological activity was found in soil under Gliricidia sepium: 0,605 g FDA hydrolyzed min-1 g-1 soil. The total microbial population, indicated that the soil under the palm crop harbours the highest fungi and actinomycete populations: 21 e 127 ufc x 10g/soil, respectively. The highest soil bacteria population, were found in the Caatinga and Gliricidia sepium: 32 e 28 ufc x 10g/soil, respectively. ARDRA was as a powerful tool for the microbial community profile analysis. The Hinf I restriction enzyme disclosed that the genetic structure of the fungi 18S region in the soil under Caatinga revealed a divergent community when compared to the other treatments. The 16S region digested by the Hae III enzyme, disclosed two distinct groups: one with a 100% similarity of the bacterial genetic structure including the soils under reforested areas and under Caatinga; and the others with a 100 % of genetic similarity including the soils under the palm, pastures and Gliricidia sepium. The three parameters (microbial activity, total microbial population and the molecular profile determined by ARDRA) used in this research constituted good bioindicators, since they allowed to detect alterations influenced by different soil managements, indicating the efficiency of the agro-forestry-pasture systems for the preservation and restoration of soil in the Semi-Arid biome.
Palavras-chave: Bioindicador
Meio ambiente
Biodiversidade
Sustentabilidade
Bioindicator
Environment
Biodiversity
Sustainability
Área(s) do CNPq: CNPQ::OUTROS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da instituição: UFS
Departamento: Desenvolvimento e Meio Ambiente
Programa: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Citação: OLIVEIRA, Virgínia Carla de. Atividade enzimática, população e análise de dna da biodiversidade microbiana do solo em agroecossistemas do semi-árido. 2004. 127 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2004.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1179
Data de defesa: 21-Jun-2004
Aparece nas coleções:Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
VIRGINIA_CARLA_OLIVEIRA.pdf927,02 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.