Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1210
Tipo do documento: Dissertação
Título: Ambiente urbano, qualidade de vida e (in)sustentabilidade em cidades locais : Nossa Senhora da Glória/SE
Autor: Jesus, Tânia Santos de 
Primeiro orientador: Souza, Rosemeri Melo e
Resumo: Por ser ambiente construído, a cidade envolve o fluxo de capital imobilizado no espaço através de equipamentos físicos utilizados para a produção e o consumo, a exemplo de ruas, edifícios, sistema de esgoto. Nela, o ambiente natural pode ser transformado em áreas residenciais, de lazer, industriais e de comércio. O surgimento e/ou expansão de cidades sem um adequado planejamento, principalmente no que se refere à infra-estrutura pode refletir em problemas futuros, podendo interferir tanto na qualidade de vida dos moradores, quanto na qualidade ambiental. Devido às intensas mudanças provocadas pela ação humana no ecossistema urbano, este apresenta características e funcionamento cada vez mais distintos dos sistemas naturais. A busca por um novo padrão de desenvolvimento visando a garantia de capital natural para as futuras gerações trouxe à discussão o tema da sustentabilidade. Nesse sentido, a sustentabilidade urbana tem constituído num dos maiores desafios da atualidade, em virtude dos diversos problemas ambientais verificados nas cidades. Essa pesquisa baseia-se no pressuposto de que as condições básicas na cidade de Nossa Senhora da Glória/SE não revelam um desenvolvimento sustentável e que as políticas públicas podem contribuir neste sentido à reorientação na perspectiva da sustentabilidade urbana. Objetivou-se neste trabalho analisar os diferentes aspectos do desenvolvimento na área urbana de Nossa Senhora da Glória/SE, com base em indicadores socioambientais em busca dos fatores que podem estar interferindo na sustentabilidade do desenvolvimento da cidade, bem como relacionar as principais medidas a serem adotadas no campo das políticas públicas rumo à sustentabilidade urbana. Os indicadores para este estudo foram: resíduos sólidos, saneamento básico, infra-estrutura, bem-estar coletivo, habitação, saúde pública, educação pública, trabalho e renda. Foi adotada uma metodologia com base no conceito de indicadores de sustentabilidade, utilizando as seguintes ferramentas: revisão bibliográfica; trabalho de campo com registros fotográficos; entrevistas junto à população local, órgãos e entidades públicas; aplicação de questionários aos moradores; tratamento estatístico, análise e discussão dos dados obtidos. Pretende-se contribuir com o presente trabalho na adoção de uma nova postura por parte da população local e seus governantes com relação ao desenvolvimento. A utilização de indicadores socioambientais constitui uma abordagem metodológica que propicia a compreensão dos processos espaciais urbanos, neste trabalho o uso desta ferramenta possibilitou a constatação de que a segregação socioespacial analisada enquanto indissociável da degradação do meio ambiente verificada principalmente na periferia da cidade contribui para o seu fraco grau de sustentabilidade, influenciando na qualidade de vida dos seus moradores.
Abstract: Being a built-up environment, the city involves the flow of immobilized capital in the space through physical equipments which are used in the production and consumption such as streets, buildings and sewer system. In the city, the natural environment can be transformed into residential, leisure, industrial and commercial areas. The appearance and/or expansion of cities without adequate planning, mainly relating to infrastructure can reflect in future problems that may interfere both in the quality of life of the inhabitants and in the environment quality. Due to the intense changes provoked by human action, the urban ecosystem has shown more and more distinct characteristics and working from the natural systems.The search for a new development standard in order to guarantee natural capital for future generations has brought to discussion the theme of sustainability. In this sense, the urban sustainability has been one of the biggest challenges of present time because of several environmental problems in the cities. This research is based on the rationale that the basic conditions in the city of Nossa Senhora da Glória/SE do not reveal a sustainable development and that public policies can lead to a perspective of reaching urban sustainability. The objective of this work is to analyse the different aspects of the development in Nossa Senhora da Glória/SE urban area, based on socioenvironmental indicators in attempt of identifying which factors can be interfering in the city sustainable development, as well as point to the main measures to be adopted in the field of public policies aiming at urban sustainability. The indicators considered were: solid wastes, basic sanitation, infrastructure, collective well-being, housing, public health, public education, work and income. It was adopted a methodology based on the concept of sustainability, using the following tools: bibliographical revision; fieldwork with photographic registers; interviews with the local inhabitants, and with public agencies and entities; application of questionnaires with the inhabitants; statistical treatment, analysis and discussion of the data collected. The intention of this work is to contribute to the adoption of a new attitude by local population and its governments relating to development. The use of socioenvironmental indicators constitutes a methodological approach that provides the comprehension of urban space processes. In this work, the use of this tool made possible the verification that socioespacial segregation analysed together with environment degradation specially in the outskirts, contributes to its weak degree of sustainability, influencing the inhabitants quality of life.
Palavras-chave: Sustentabilidade urbana
Qualidade de vida
Indicadores socioambientais.
Urban Sustainability
Quality of life
Socioenvironmental Indicators
Área(s) do CNPq: CNPQ::OUTROS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da instituição: UFS
Departamento: Desenvolvimento e Meio Ambiente
Programa: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Citação: JESUS, Tânia Santos de. Ambiente urbano, qualidade de vida e (in)sustentabilidade em cidades locais : Nossa Senhora da Glória/SE. 2006. 151 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1210
Data de defesa: 20-Fev-2006
Aparece nas coleções:Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
TANIA_SANTOS_DE_JESUS.pdf1,43 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.