Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1309
Tipo do documento: Dissertação
Título: A sustentabilidade socioambiental dos resíduos sólidos urbanos da cidade de Propriá, Sergipe
Autor: Barreto, Ismeralda Maria Castelo Branco do Nascimento 
Primeiro orientador: Daltro Filho, José
Resumo: O estudo apresenta a situação dos resíduos sólidos urbanos da cidade de Propriá, Sergipe (Brasil) nos dias atuais, no sentido de verificar sua sustentabilidade, através do uso eficiente dos recursos socioeconômicos e ambientais. Com base na investigação realizada na Prefeitura, nas instituições de saúde, nas organizações da sociedade civil, nos domicílios, segundo a condição socioeconômica e na análise da caracterização física dos resíduos sólidos urbanos, obtiveram-se resultados satisfatórios. A Divisão de Limpeza Pública Urbana (Limpurb) dispõe de equipamentos e guarnição próprios para operacionalizar as atividades, porém com pouca eficiência, tendo em vista a ausência de técnicas específicas e equipamentos de segurança do trabalho. Apesar da regularidade da coleta domiciliar e comercial e do seu alcance (89%), a destinação final é um vazadouro a céu aberto, e a população continua jogando resíduos sólidos em terrenos baldios, nas proximidades das moradias, fomentando os focos de lixo, em vez de acondicioná-los devidamente até a coleta. Os habitantes estão insatisfeitos com a limpeza urbana de Propriá, no entanto, não colaboram com a Prefeitura. Outro fator agravante investigado é que a população de alta renda e a classe média reconhecem os males provocados pela disposição incorreta dos resíduos, porém a baixa renda está em situação de risco potencial, pela fragilidade das áreas periféricas, pois nas mesmas os focos de lixo espalhados a Prefeitura não consegue acabar. Diante dessa situação insustentável e com base na caracterização física dos resíduos, estabeleceram-se ações adequadas para os serviços dos resíduos sólidos, tanto no âmbito técnico, quanto educacional, relativos à reciclagem e à compostagem, a partir da segregação dos materiais não apenas na fonte geradora, mas também implantando-se Postos de Entrega Voluntária (PEVs) nos setores urbanos, no sentido de facilitar o desenvolvimento da tecnologia. Com essas práticas obtêm-se melhoria no padrão da qualidade de vida e benefícios econômicos, sociais e ambientais, tal como: o prolongamento da vida útil de um aterro sanitário, redução na exploração de recursos naturais; diminuição do consumo de energia; minimização de impactos ambientais; diminuição dos custos operacionais de coleta; e outros. A sociedade precisa conscientizar-se que utiliza mal os recursos e desperdiça alimentos, pois em Propriá o que se chama de lixo em média traduz-se em 74,87% de material reaproveitável, tendo em vista que 55,49% é de matéria orgânica que pode ser transformada em adubo e 19,38% de materiais recicláveis, enquanto apenas 25,13% é lixo. Assim, o gerenciamento dos resíduos sólidos urbanos direciona-se para a reciclagem de resíduos inertes e orgânicos, na implantação do aterro sanitário e em ações educativas permanentes, tal como preceitua a Agenda 21 Global.
Abstract: The study displays the situation of the urban residues of Propriá City, Sergipe (Brazil), in current days in order to verify its sustainability, through the efficient use of the environmental, and social-economical resources. Based on the investigation at the City Hall, the health institutions, the organizations of the civil society, and at common houses under the social and economical conditions and the characteristic physical analysis of urban solid residues, obtain satisfactory results. The sector of Urban Public Cleaning (Limpurb) has the equipment and crew of its own to accomplish the activities, yet with little efficiency, specially the lack of specific techniques and equipment of work security. Despite the regularity of house and commercial trash collecting and its range (89%), the final destination is the sewer at open sky, and the population continues to throw solid residues at the wastelands, next to the residues; increasing the trash-placing points instead of packing it properly for collecting. The inhabitants are not satisfied with the City Hall. Other aggravating factor that was investigated is that the high and medium income populations are aware of the troubles provoked by the wrong arrangement of the residues; however, the low income is in a potential risk situation, due to the fragility of peripheral areas, since they are very spread trash-placing sites that the City Hall cannot get rid of. Before this unbearable situation and based on the characteristic phisical of the residues, there were established adequate actions for services of solid residues both in the techinical and educational scope related to recycling and compounding, through the separation of the material not only at the gerating source, but also the creatin of Volunteering Delivery Post (PEVs) in urban sectors, in order to facilitate the development of the technology. With these practices, we obtain improvement of life quality patterns and economical, social and environmental benefits, such as: extending of the usage time of sanitary earth-coverings, diminihing of expploitation of natural resources, diminishing of energy consumption, minimization of environmental impacts and others. The society must be aware that it uses the resources wrongly and wastes food, for in Propriá, what they call trash , is, average, 74,87% reusable, specially that 55,49% is organic material that can be transformed in fertilizer and 19,38% of recyclable material, while 25,13% is sewage. That way, the management of urban solid residues can be aimed to the recycling of harmless and organic residues, in the sanitary earth-coverings and in permanent educative actions, as recommends the Agenda 21.
Palavras-chave: Desenvolvimento sustentável
Economia ambiental
Resíduos sólidos
População
Reaproveitamento (Sobras, refugos, etc.)
Lixo reciclavel
Saneamento
Limpeza urbana
Área(s) do CNPq: CNPQ::OUTROS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da instituição: UFS
Departamento: Desenvolvimento e Meio Ambiente
Programa: Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente
Citação: BARRETO, Ismeralda Maria Castelo Branco do Nascimento. A sustentabilidade socioambiental dos resíduos sólidos urbanos da cidade de Propriá, Sergipe. 2000. 181 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2000.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1309
Data de defesa: 4-Mai-2000
Aparece nas coleções:Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
ISMERALDA_MARIA_CASTELO_BRANCO_NASCIMENTO_BARRETO.pdf6,24 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.