Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1971
Tipo do documento: Dissertação
Título: Os licenciandos em Física da UFS e as suas relações com o ensinar : uma investigação a partir da teoria da relação com o saber
Autor: Feitosa, Larissa Dias 
Primeiro orientador: Charlot, Bernard
Resumo: Esta pesquisa tem por objetivo investigar a relação dos licenciandos em física com o ensinar. As questões centrais que se buscou compreender foram: qual o sentido de ensinar física? O que motiva a aproximação dos licenciandos com o ensino de física? O referencial teórico adotado para análise foi a Teoria da Relação com o Saber, proposta pelo pesquisador frânces Bernard Charlot (2000, 2001, 2005 e 2009). Procurou-se, também, para fins de análise teórica, realizar o diálogo entre este autor e outros teóricos que abordaram o tema, ainda que esta abordagem não tenha sido direcionada para a educação. Dentre eles destacamos Lacan, Leontiev e Wallon. Além disso, levou-se em conta o que indica Chevallard, que é a importância do contexto institucional ao se pesquisar sobre a relação com o saber ou com saberes específicos, que nesse caso é o ensino de física. Para tanto, foi preciso explorar características da universidade moderna e do ensino universitário de física, através de autores como Borges, Charlot et al, Chauí, Nóvoa, além de alguns dados estatísticos conferidos à licenciatura em física no Brasil. Este trabalho é uma pesquisa quantitativa, na qual foi utilizada como ferramenta metodológica a aplicação de um questionário aberto, com um total de vinte questões. Depois de aplicados nos Campi Itabaiana e São Cristóvão da Universidade Federal de Sergipe, foram retidos para esta análise oitenta e três questionários. Através dos próprios argumentos evocados nas respostas, foi construída uma grade de categorização e, através dela, calcularam-se percentuais para os argumentos mais citados pelos estudantes. Os resultados principais apontam para: a universidade, como instituição, carregada de forte sentido, no tocante à obtenção de saberes para os licenciandos; a escolha pela física como carreira acadêmica originando-se com estabelecimento de relações positivas com a física escolar; o estabelecimento de uma relação positiva com o futuro exercício da docência antes do ingresso na universidade, embora sem evidências de como essa relação se estabelece; o mercado de trabalho como fator mediador entre os licenciandos e a sua escolha pela licenciatura em física; indícios de que a escolha pelo ensinar, em geral, não advém de uma ―paixão pelo ensino‖; relações com o ensinar permeadas pela relação com os futuros alunos; crença no ensino de física do ensino médio e na profissão docente, apesar dos problemas inerentes à profissão.
Abstract: This research is intended discover the relationship between the pre-service physics teacher and ―the teaching‖. The main questions that we try understand are: what the sense for teaching physics? What motivate the undergraduates in physics to teach physics? The theoretical basis adopted to make our analysis was the Theory of Relatioship with the knowledge, proposed by the French researcher Benard Charlot (2000, 2001, 2005 and 2009). We also looked for the purposes of theoretical analysis, the dialog between this author and others scholars that have researched about this theme, although this research has not been directed to the Education. Among them we highlight Lacan, Leontiev and Wallon. We also consider what Chevallard shows us, that is the importance of the institutional context to research about the relationship with knowledge or specific knowledge, which in our case is the teaching of physics. For this purpose, we try to explore features of the modern university and university education in physics, by authors such as Borges, Charlot et al, Chauí, Nóvoa, and some statistics data available about degree in physics in Brazil. It is a quantitative research, where an open questionnaire was used as a methodological tool, with a total of twenty questions. After applying the questionnaires to undergraduates in physics of São Cristóvão and Itabaiana campi of Federal University of Sergipe, a total of eighty-three questionnaires were retained for this analysis. With many arguments raised in the responses, we constructed a grid of categorization and through this we calculate the percentage of arguments most often cited by students. The main results suggest: the university as an institution charged with strong sense, in terms of obtaining knowledge for undergraduates; the choice of physics as academic careers rises with establishment of good relations with the physics education; the establishment of a positive relationship with the future practice of teaching prior to entering university, but without evidence of how this relationship is established; the job market as mediating factor between undergraduates and their choice of physics graduation; evidence that the choice of teaching in general, does not come from a "passion for teaching"; relations with teaching, permeated by the relationship with future students; belief in teaching high school physics and the teaching profession, despite the problems that comes with profession.
Palavras-chave: Relação com o ensinar
Licenciandos em física
Teoria da relação com o saber
Relationships with teaching
Physics undergraduates
Theory of relationship with knowledge
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::MATEMATICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da instituição: UFS
Departamento: Ciências e Matemática
Programa: Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/1971
Data de defesa: 24-Abr-2012
Aparece nas coleções:Mestrado em Ensino de Ciencias e Matematica

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
LARISSA_DIAS_FEITOSA.pdf1,12 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.