Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/3112
Tipo do documento: Dissertação
Título: Das interfaces do projeto de irrigação de fruticultura platô de Neópolis ao agronegócio da cana-de-açúcar
Autor: Vasconcelos, Jordana Santana de Oliveira 
Primeiro orientador: Conceição, Alexandrina Luz
Resumo: Esta dissertação teve como objetivo analisar as alterações ocorridas com o processo de apropriação do espaço no Baixo São Francisco/SE, na área do Platô de Neópolis, sob o modelo da modernização capitalista e o papel do Estado, durante e depois da sua concretização do Projeto de Fruticultura Irrigada Platô de Neópolis. Para o desenvolvimento de nossa análise, utilizamos o método de interpretação do materialismo histórico dialético, que permitiu identificar as contradições do modelo de modernização capitalista e do papel do Estado, antes e após a concretização do Projeto. Nossos estudos revelaram que, nas últimas décadas, houve uma clara apropriação do território pelo capital das unidades de produção familiar, mediante aliança com o Estado, o qual direcionou políticas públicas no campo a favor de grandes empresários. Neste contexto, podemos destacar o Projeto de Fruticultura Irrigada Platô de Neópolis, exemplo vivo de uma política de desenvolvimento voltada para o interesse do capital, na qual os cultivos tradicionais da região gradativamente foram se extinguindo para abrigar a seleção de cultivos voltados para o mercado, com alta tecnologia e serviços especializados. Atualmente, o Platô direciona sua área irrigada a serviço do agronegócio, com o retorno do plantio da cana de açúcar, agora produzida em áreas destinadas à irrigação de frutos. Nossa pesquisa permitiu concluir que o modelo de agricultura irrigada não teve como objetivo, conforme o discurso governamental, solucionar, cessar, ou mesmo amenizar as problemáticas sociais no campo, no combate à pobreza, mais sim, de garantir a reprodução ampliada do capital. Diante da realidade encontrada, fica explícito que o modelo de irrigação adotado no Baixo São Francisco, no Platô de Neópolis, reflete as políticas estratégicas calcadas em interesses que se caracterizam por serem excludentes, ou seja, deixam de fora a maioria dos trabalhadores e com a pobreza inabalável, sem alterar sua marca histórica da permanência da exploração.
Abstract: This work aimed to analyze the alterations to the space appropriation process in the Lower São Francisco / SE in the “Platô de Neópolis” under the model of capitalist modernization and the state's role during, and after, their implementation of the Project of irrigated fruit “Platô de Neópolis”. For the development of our analysis we use the method of dialectical interpretation of historical materialism, which identified the contradictions of the capitalist modernization model and the State's role during and after the implementation of the Project. Our studies revealed that in recent decades there has been a clear appropriation of the territory by the capital of family production units through alliance with the state, which direct it public policies in the field in favor of big business. In this context, we can highlight the Fruit Farming Project Irrigated “Platô de Neópolis”, living example of a development policy geared to the interests of capital in which the traditional crops of the region were gradually dying out to house the selection of targeted crops to market, with high technology and specialized services. Currently the Plateau directs its irrigated area to agribusiness service, the return of planting sugar cane, now produced in areas intended for irrigation of fruits. Our research concluded that the irrigated agricultural model did not aim, as the government speech, resolve, stop or even lessen the social problems in the field to combat poverty, but rather, to ensure the expanded reproduction of capital. Faced with the reality found is clear that the irrigation model adopted in the Lower São Francisco, in “Platô de Neópolis” reflects the strategic policies modeled on interests that are characterized by being exclusive, in other words, they leave out the majority of workers and where poverty continues unwavering without changing its historical mark of the exploitation stay.
Palavras-chave: Geografia
Agricultura
Cana-de-açúcar
Agroindústria
Irrigação agrícola
Agroindústria canavieira
Projeto Platô de Neópolis
Modernização da agricultura
Políticas públicas
Estado
“Platô de Neópolis” Project
Agriculture
Public policies
Modernization of State agriculture
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da instituição: UFS
Departamento: Geografia
Programa: Pós-Graduação em Geografia
Citação: VASCONCELOS, Jordana Santana de Oliveira. Das interfaces do projeto de irrigação de fruticultura platô de Neópolis ao agronegócio da cana-de-açúcar. 2015. 161 f. Dissertação (Pós-Graduação em Geografia) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/3112
Data de defesa: 28-Ago-2015
Aparece nas coleções:Mestrado em Geografia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JORDANA_SANTANA_OLIVEIRA_VASCONCELOS.pdfJORDANA_SANTANA_OLIVEIRA_VASCONCELOS35,96 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.