Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/398
Tipo do documento: Dissertação
Título: Caracterização morfológico reprodutiva de acessos de Jureminha (Desmanthus virgatus (L.) Willd.) nativa de Sergipe
Título(s) alternativo(s): Morphological-reproductive characterization of jureminha (Desmanthus virgatus L. (Willd) accessions natives of Sergipe
Autor: Fontenele, Ana Consuelo Ferreira 
Primeiro orientador: Aragão, Wilson Menezes
Resumo: Entre as famílias mais representativas da flora no mundo, a Leguminosae (Fabaceae) é uma das mais expressivas, pela fixação de nitrogênio no solo e seu repasse ao agroecossistema, presença em vários sistemas agrícolas, pela sua agressividade na dispersão de sementes, além de possuir relevante potencial forrageiro. Nesse sentido, este trabalho objetivou caracterizar através de descritores morfológicos reprodutivos acessos de jureminha, leguminosa nativa, coletadas em várias regiões ecogeográficas do Estado de Sergipe. Foram implantados 212 acessos no Campo Experimental em Nossa Senhora das Dores, SE, pertencente a Embrapa Tabuleiros Costeiros. O delineamento utilizado foi de blocos ao acaso com duas repetições e três plantas úteis por parcela, separadas entre si e entre linha por 2 m, além de uma linha de bordadura externa em cada bloco. Os caracteres avaliados foram percentual de fertilização (Ft), florescimento após o corte (Flo), número de vagens por inflorescência (VI), comprimento de vagem (CpV), largura de vagem (LgV), número de sementes por vagem (SV), número de locos por vagem (LoV) e peso de 100 sementes (PS). A análise de variância foi realizada utilizando o programa GENES, Cruz (2001), o qual estimou para cada característica, a herdabilidade média (h2 m), os coeficientes de variação experimental (CVe%) e genético (CVg%) e a relação entre esses coeficientes. Foram realizadas também, técnicas multivariadas de agrupamento pelo método de Otimização de Tocher e Hieráquico do Vizinho Mais Próximo e a Projeção das Distâncias no Plano, utilizando-se a distancia generalizada de Mahalanobis (D²) como medida de dissimilaridade. Existe variabilidade genética significativa entre os acessos avaliados, para os caracteres VI, PS, CpV e LoV, indicando como um potencial genético a ser explorado em programas de melhoramento. Sendo os caracteres CpV e LoV os que apresentaram maiores herdabilidades, 59,59% e 50,61%, e os maiores graus de correspondência entre o valor genético e o valor fenotípico 0,72% e 0,86%, respectivamente. Já os caracteres que mais contribuíram para a divergência foram SV com 37,20% da variação, seguido por LoV com 14,39%. No entanto, houve formação de sete grupos divergentes, concluindo-se que a divergência genética entre os acessos não é grande, pois o primeiro grupo formado englobou a maioria dos acessos, dois grupos foram formados por quatro acessos, três grupos com dois acessos e um grupo com apenas um acesso.
Abstract: Among the most representative families of the world flora, the Legumonosae (Fabaceae) is one of most expressive her the capacity in fixing nitrogen in the soil and its releasing for the agroecosystems, presence in many agricultural systems, aggressive characteristic of seed dispersion, and by the considerable forage potential. The present work aimed to characterize accessions of the native legume Jureminha, collected in different ecological- geographic regions of Sergipe state, using morphological reproductive descriptors. Two-hundred and twelve accessions of Desmanthus were cultivated the Embrapa Tabuleiros Costeiros Experimental Station in Nossa Senhora das Dores, SE. The experiment was carried out in a completely randomized block design with 2 replications and 3 representative plants per plot, spaced by 2x2 m from each other. The characters of fertilization percentage (Ft), flowering after pruning (Flo), pods per flower (Vi), pod length (CpV), pod width (LgV), seeds per pod (SV), locus per pod (LoV), weight of 100 seeds (PS) were evaluated. Analysis of variance was processed by the GENES statistical program (Cruz, 2001), estimating for each characteristic the average genetic inheritance (h2 m), the experimental variation (CVe%) and genetic (CVg%) coefficients, and the correlation between such coefficients. Grouping multivariate techniques by the method of Tocher Optimization and Hierarchic Closest Neighbor and the Plane Distance Projections, utilizing the Mahalanobis generalized distance as the dissimilarity measurements were also applied. Significant genetic variability for the characters VI. PS, CpV, and LoV were found between the studied accessions, indicating a genetic potential to be used in breeding programs. Largest genetic inheritance were found for the CpV and LoV characters with respectively 59.59% and 50.61%. Such characters also showed the highest degree of correspondence between the genetic value and phenotypic value with respectively 0.72 % and 0,859 %. The SV and LoV characters had the greatest contribution for the divergence with respectively 37.20% and 14.39% of the variation. Seven divergent groups were formed. There was concluded that there are not a large genetic divergence among the accessions considering the majority of the accessions composed the first group and two groups were composed by four accessions and three groups were composed by two accessions each one, and one group by only one accessions.
Palavras-chave: Agroecossistemas
decritores morfológicos
variabilidade genética
Agroecosystems
morphological descriptors
genetic variability
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da instituição: UFS
Departamento: Agroecossistemas
Programa: Pós-Graduação em Agroecossistemas
Citação: FONTENELE, Ana Consuelo Ferreira. Morphological-reproductive characterization of jureminha (Desmanthus virgatus L. (Willd) accessions natives of Sergipe. 2007. 118 f. Dissertação (Mestrado em Agroecossistemas) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/398
Data de defesa: 29-Mar-2007
Aparece nas coleções:Mestrado em Agroecossistemas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ana.txt3 BTextBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.