Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/833
Tipo do documento: Dissertação
Título: A colocação dos eletrodos interfere na antihiperalgesia promovida pela tens?
Título(s) alternativo(s): Does placement of electrodes influence tens-induced antihyperalgesia?
Autor: Poderoso Neto, Maurício Lima 
Primeiro orientador: Bonjardim, Leonardo Rigoldi
Resumo: Dentre as terapêuticas não-farmacológicas para o tratamento da dor inflamatória, vem ganhando destaque na literatura a neuroestimulação elétrica transcutânea (TENS). Entretanto, a literatura clínica sobre TENS é, às vezes, difícil de ser interpretada devido a limitações nos ensaios clínicos e pouco rigor metodológico. Outro fator controverso é a falta de padronização nos parâmetros da corrente assim como nas formas de aplicação dos eletrodos, ambos necessitando ser melhor elucidados. Objetivos: a presente pesquisa teve como objetivo analisar se as diferentes localizações de eletrodos interfeririam na anti-hiperalgesia promovida pela TENS de baixa freqüência em um modelo de dor inflamatória. Métodos: Utilizando-se caolina e carragenina (3%), induziu-se a osteoartrite, modelo de dor inflamatória, em joelhos de ratos. Foram utilizados 25 ratos machos da linhagem Wistar, divididos de acordo com a localização dos eletrodos em 5 grupos (n=5, em cada grupo), sendo eles: dermátomo ipsilateral, dermátomo contralateral, região paravertebral, pontos de acupuntura (Bp6 e E36) e controle. Em todos os grupos, foram mensurados antes e pós a aplicação da corrente a hiperalgesia térmica, a hiperalgesia mecânica secundária e o edema da articulação do joelho. A TENS foi aplicada com a frequência de estimulação de 4 Hz, duração de pulso (100 &#956;s), intensidade sensorial por 20 minutos durante 5 dias consecutivos. Para medidas entre grupos foram utilizados o teste de Kruskal-wallis e ANOVA seguido pelo post hoc teste de Tukey. Para medidas intra grupos foram utilizados os testes de Wilcoxon Matched Pairs e teste t. Os valores de p < 0,05 foram considerados significativos. Resultados: Após a aplicação da TENS com os eletrodos posicionados no dermátomo ipsilateral, dermátomo contralateral, na paravertebral e em pontos de acupuntura, observou-se uma redução significativa na hiperalgesia térmica e na hiperalgesia mecânica quando comparado ao grupo controle e ao pré-tratamento em cada grupo. Entretanto, não houve diferença significativa para a medida do edema articular. A intensidade de estimulação foi significativamente inferior no dermátomo contralateral em comparação aos demais locais de aplicação dos eletrodos. Os dados de latência, limiar mecânico e de intensidade mostram uma tendência a tolerância aos efeitos da TENS a partir do quinto de sua aplicação. Conclusão: Os achados sugerem que o efeito analgésico promovido pela TENS não depende do local de aplicação dos eletrodos, sugerindo ação da TENS no sistema nervoso central.
Abstract: Among the non-pharmacologic therapy resources for inflammatory pain treatment, transcutaneous electric nerve stimulation (TENS) has been gaining attention in the literature. However, the clinical literature on TENS is sometimes difficult to be interpreted due to limitations in clinical trials and little methodological rigor. Another controversial issue is the lack of standardization in the parameters of the current as well as the ways of application of the electrodes, both needing to be better elucidated. Methods: Carrageenan and kaolin were used to (3%) to mimetize knee ostheoarthritis in rats. Twenty-five male Wistar rats were divided according to electrodes location in 5 groups (n=5, in each group): ipsilateral dermatome, contralateral dermatome, paravertebral, acupoints (Bp6 and E36) and control group. The frequency and the duration of the application were the same in all groups. In all groups, thermal and secondary mechanical hyperalgesia, as well as motor performance and joint edema were measured before and after TENS was applied by stimulating rats with 4 Hz,100 &#956;s of pulse duration, at a sensory intensity during 20 minutes. Mechanical withdrawal threshold was tested for the differences between the treatment groups by using Kruskal Wallis followed by Tukey test, Wilcoxon Matched Pairs test for differences into the group and Friedman followed by Turkey test for repeated measures. P values less than 0.05 were considered significant. Results: Following TENS application with electrodes placed on ipsilateral or contralateral dermatome, paraspinal muscles or acupoints, there was a significant reduction in both mechanical and thermal hyperalgesia. Moreover, an increase in time for performing rota rod test when compared to control group and prior TENS was observed in all groups treated with active TENS. However, there was no difference for the edema between groups. The intensity was significantly lower in the contralateral dermatome in comparison to other electrode placements. Results for paw withdrawal latency and threshold and intensity suggest there is a tendency for developing tolerance to TENS after the fifth day of stimulation. Conclusion: It seems that TENS-induced antihyperalgesia does not depend on the electrode placement, indicating TENS acts through the central nervous system.
Palavras-chave: estimulação elétrica transcutânea do nervo
dor
eletrodos
eletroterapia
fisioterapia
transcutaneous electrical nerve stimulation
pain
electrodes
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade Federal de Sergipe
Sigla da instituição: UFS
Departamento: Ciências da Saúde
Programa: Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Citação: PODEROSO NETO, Maurício Lima. Does placement of electrodes influence tens-induced antihyperalgesia?. 2012. 51 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Sergipe, Aracaju, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.ufs.br/handle/tede/833
Data de defesa: 25-Jan-2012
Aparece nas coleções:Mestrado em Ciências da Saude

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
MAURICIO_LIMA_PODEROSO_NETO.pdf320,17 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.